Resenha: livro "Querida Jane Austen, uma homenagem"

 Olá pessoal, tudo bem? Na resenha de hoje venho comentar sobre minha experiência de leitura com o livro "Querida Jane Austen, uma homenagem", antologia publicada pela Editora Bezz no selo Leque Rosa em 2017 pela ocasião do bicentenário de falecimento da escritora Jane Austen.

Resenha, livro, contos, fanfic, Querida-Jane-Austen-uma-homenagem, Leque-Rosa, Editora-Bezz, capa, orgulho-e-preconceito

 SOBRE CADA CONTO:

 Em "Sinceramente sua", Luciana Viter dá um final feliz para Margaret Dashwood, a irmã mais nova de Elinor e Marianne, protagonistas de "Razão e Sensibilidade". Margaret encontra o Sr. Jennings de forma inusitada: com ela caindo de uma árvore!

 "Os acasos do amor" da Júlia Ventura é sobre Anne (cujo livro favorito é "Persuasão") e Fred. Anos atrás, Fred lhe convidou para ir morar com ele em Los Angeles, mas Anne recusou por causa da família que precisava dela. O tempo passou, Fred se tornou um lutador de MMA, e eles se reencontraram num final de semana na casa de amigos. Esse reencontro faria Fred perceber que Anne era uma pessoa muito mais generosa e altruísta do que ele imaginava, e faria Anne entender que já viveu demais por sua família e que era hora de viver para si mesma.

 Já imaginaram o que aconteceria se Darcy de "Orgulho e preconceito" perdesse a memória? É o que temos em "Algo em seu olhar" da Raquel Cavalcanti. Sete meses depois do casamento com Elizabeth, Darcy sofreu um acidente e se esqueceu de tudo o que viveu nos últimos anos. Imaginem como ele ficou ao descobrir que estava casado com alguém como Elizabeth!

 "- Como pude cometer tamanha loucura? - iniciou seu desabafo - Ou está zombando de mim, ou eu sou o homem mais insensato da face da Terra! Quero saber o que me fez tomar por esposa uma mulher sem classe, sem berço e que não me parece ter nada de excepcional. Acabo de descobrir que expus o nome de minha respeitável família, os Darcy, ao escárnio da sociedade, e sem ao menos ter como voltar atrás em minha infeliz decisão. - Aproximando-se de Elizabeth, tentando encontrar alguma lógica num casamento que agora não lhe parecia ter razões para existir." (página 66)

 Assim como "Os acasos do amor", "Uma pausa no tempo" da Naiara Aimee também traz um casal que se separou no passado. Antes da faculdade, Ryan pediu Audrey em casamento, mas caso se casassem, Audrey sabia que Ryan não conseguiria se dedicar ao seu maior talento: o futebol americano. Para que ele pudesse seguir sua carreira no esporte, Audrey rompeu seu compromisso. Oito anos depois, Ryan e Audrey foram convidados para padrinhos no casamento de um casal de amigos. Rever Ryan fez com que Audrey se lembrasse do quanto ainda o amava, mas parecia que para ele a fila havia andado. Será?

 "Então, tristemente percebo que, para sentimentos ão intensos, oito anos podem ser o mesmo que nada." (página 94)

 "O legado de Mary Bennet" de Cacá Smith traz uma nova chance de felicidade para Mary, uma das irmãs de Elizabeth ("Orgulho e Preconceito") muitos anos depois do casamento de Lizzy e Darcy.

 "Garotaausten.com" da Katherine Salles nos apresenta Catarina, uma jovem que tem um canal no Youtube onde chamou atenção por se vestir como na época de Jane Austen. Ela tinha Isabela como sua melhor amiga, apesar de nunca terem se visto pessoalmente, apenas pela internet. Catarina amava as fanfics que Isabela escrevia. Depois de meses economizando, Catarina finalmente conseguiu dinheiro e permissão da mãe para viajar de Mogi das Cruzes ao Rio de Janeiro e passar alguns dias na casa de Isabela. A casa era um antigo hotel, e Isabela não parecia tão legal pessoalmente como na internet. Será que a amizade virtual resistiria à realidade?

 Em "Um encontro com Mr. Darcy e companhia", Tânia Picon coloca Mr. Darcy, o gentil Charles Bingley e o libertino George Wickham (de "Orgulho e Preconceito") como seres com a missão de ajudar Amanda que nunca se dava bem nos relacionamentos (seu último namorado lhe traiu com a melhor amiga dela). Os três, na verdade, os dois, já que Wickham não era de muita ajuda, lhe alertaram sobre como ela estava julgando erroneamente Daniel, um rapaz que conheceu no trabalho. Seria ele o seu Mr. Darcy?

 "Pera, uva, maçã ou salada mista?" da Moira Bianchi mostra um grupo passando alguns dias numa fazenda que oferece a programação turística de misturar o Vale do Café com a época de Jane Austen no século dezenove. Os turistas se vestem como na época e tem atividades típicas daquele período. Lenny vai com o tio para o passeio, onde também está Vicente, que trabalha no ramo da hotelaria e estava interessado na experiência da viagem. Lenny estudou História e tem consciência das incongruências daquela salada cultural do passeio, enquanto Vicente fazia sua própria salada, misturando referências de personagens de todos os livros e filmes, algo que irritava Lenny, profunda conhecedora do assunto.

" - Não tive a intenção de ser rude...
 - Imagina se tivesse! - Ele bufou. - Veja se acha uma chance de se desculpar. Coitada, não fez faculdade de História como você.
 - Como sabe? - Madalena desafiou, sempre odiou tomar pito.
 - Conversei com eles no café da manhã. Ela é fã dos filmes, está aqui realizando um sonho.
 - Aposto que nunca leu as obras de Austen. - Levantou o nariz caprichando na petulância. - Nem viu os seriados ingleses.
 - É fã como você. Não se esqueça disso." (página 186)

Resenha, livro, Querida-Jane-Austen-uma-homenagem, Leque-Rosa, Editora-Bezz,

 OPINIÃO:

 Confesso: ainda não li nenhum livro da Jane Austen nem assisti filmes ou séries baseados neles, mas já vi inúmeros comentários sobre suas obras, além de alguns capítulos de "Orgulho e Paixão", novela inspirada em seus romances (não é a adaptação deles, apenas uma inspiração), de forma que considero saber o básico sobre a autora que continua conquistando leitores mesmo depois de dois séculos de seu falecimento.

 Comecei a ler "Querida Jane Austen, uma homenagem" sem expectativa alguma, e já no prefácio (escrito pela Adriana dos Santos Sales, da JASBRA [Jane Austen Brasil]), me vi fascinada ao descobrir um pouco sobre a vida e as obras da autora.

 Finalizei a leitura do primeiro conto com um suspiro de contentamento e um sorriso no rosto, e isso se repetiu até o último e oitavo conto. Depois, ainda tive o prazer de ler um artigo da Mara Sop sobre como os figurinos das adaptações das obras de Austen estavam ligados aos períodos históricos em que as tramas se passavam, com direito a ilustrações muito fofas. Temos ainda um segundo artigo da Vânia Nunes sobre a relação da família Austen com a comida e como a alimentação estava nas entrelinhas de suas obras (na época, falar sobre necessidades básicas como a comida não era de bom tom).

 "Querida Jane Austen, uma homenagem" foi uma leitura da qual gostei muito (ganhou cinco estrelinhas na minha avaliação no Skoob) e que recomendo, mesmo para quem (assim como eu) ainda não leu nenhuma das histórias onde os contos foram baseados. Nos textos que são continuações, espécies de spin-offs dos livros da Jane Austen ("Sinceramente sua", "Algo em seu olhar" e "O legado de Mary Bennet"), não tive dificuldade de entender as histórias, e uma rápida pesquisa no Google pode sanar alguma curiosidade sobre, por exemplo, quem era Margaret Dashwood. Os outros cinco contos que se passam nos dias atuais são igualmente bem escritos, românticos, e trazem personagens tão encantadores e apaixonantes quanto os demais. Falando em personagens, é possível ver que a essência dos Bennets, de Darcy, de Charles Bingley e dos demais personagens de Jane continua presente nos contos, mostrando uma ou outra faceta diferente de acordo com o que a trama pede.

 Não consigo escolher um conto favorito, todos tem histórias e personagens interessantes e são muito bem escritos (sério, anotei os nomes das autoras e vou correndo procurar os livros de cada uma para ler!), de forma que eu poderia falar horas sobre cada um. Mas destaco que amei a escrita divertida de "Uma pausa no tempo", com a delicadeza de um amor que nasceu em um casal muito jovem. "Garotaausten.com" roubou meu coração ao falar sobre uma amizade virtual e sobre como tentamos mostrar só o nosso melhor nessas relações, e quando elas vão para o mundo real, as coisas nem sempre são como imaginamos. E "Pera, uva, maçã ou salada mista?" traz uma mensagem bem bacana sobre respeitar os sonhos dos outros, não se julgar melhor e com mais direito de ser fã só por conhecer mais do trabalho de algum autor.

Querida-Jane-Austen-uma-homenagem,
Querida-Jane-Austen-uma-homenagem,

 A edição tem uma capa condizente com esse ar de época, mas para um livro tão lindo, confesso que poderíamos ter algo mais elaborado. As páginas são amareladas e lisas. Posso contar nos dedos os erros de revisão. A diagramação traz letras, margens e espaçamento de bom tamanho.

 Detalhes: 290 páginas, ISBN-13: 9788568695708, Skoob. Onde comprar online: loja da editoraAmazon (e-book ou físico).

 Por hoje é só, espero que tenham gostado do post. Fica a minha super recomendação de leitura. Para quem tem receio de contos, podem ler sem medo, pois eles não são curtinhos e as autoras souberam desenvolver bem as histórias. Preparem o coração para um livro apaixonante! Me contem: gostam da escritora Jane Austen? Já leram algo das autoras presentes na antologia? Qual conto lhes chamou mais a atenção?


Até o próximo post!

Me acompanhe nas redes sociais:

19 comentários

  1. Oiiii,

    Fiquei super curiosa para conferir os contos, mas como não conheço a maioria das obras de Jane Austin, o que mais me chamou a atenção foi Algo em Seu Olhar porque adoro Oegulho e Preconceito e fiquei bem curiosa para saber como as coisas correm com o Darcy sem memória rs. Já super anotei a dica e espero poder conferir em breve.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  2. Acho até que já tinha visto essa capa por ai mas tinha me passado despercebida e agora o livro vai para os desejados, gostei muito de todas as sinopses e mesmo não amando contos, já que quando eu tô começando a curtir eles acabam haha, me vi bem interessada lendo a resenha e curiosa pra saber como as histórias se desenrolam ;)

    ResponderExcluir
  3. Achei a capa maravilhosa, julgo livros pela capa sim hahah. Ainda não li nada da Jane, mas ela é sempre muito bem conceituada.
    Bjs

    falandocomaali.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Uau, parece bem interessante. Gostei!

    http://www.ceuemversos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Achei interessante a proposta da antologia, mas acredito que conhecendo as outras da Jane Austen a experiência será ainda melhor. Valeu pena dica pois não conhecia a obra e nenhuma das autoras envolvidas.

    ResponderExcluir
  6. sempre ouço falar muito bem das obrar de Jane Austin,tenho muita vontade de ler algo dela me pareceu ser um livro de leitura bem fluída entao dica mais que anotada bj

    ResponderExcluir
  7. Apesar de sempre ouvir as pessoas falarem bem dos livros da Jane Austen, nunca li nenhum deles. E confessor que fiquei com vontade de ler esse livro! Os contos parecem ótimos, principalmente "Os acasos do amor" e "Algo em seu olhar", já que adoro quando o rumo da história é mudado!

    ResponderExcluir
  8. Oie! Acredita que ainda não li nada da Jane, apesar de super recomendarem não tive essa oportunidade, o livro parece ser bem interessante, mas eu precisaria ler as obras dela pra entender os contos?
    http://www.kammykrysthin.com/
    Xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi K, não precisa ter lido os livros da Jane Austen pra entender os contos não, eu mesma ainda não li nada dela.

      Excluir
  9. Ahhh, que resenha mais maravilhosa! Tô morrendo de amores aqui por você ter gostado da escrita de Uma Pausa no Tempo. As meninas super arrasaram nos contos e confesso que fico bem feliz e honrada de estar entre tantas autoras talentosas. Parabéns pelo trabalho e obrigada pela oportunidade de termos Querida Jane Austen resenhado aqui ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por deixar um comentário aqui, Naiara ♥.

      Excluir
  10. Eu sabia que essa resenha viria e já estava numa expectativa imensa para saber suas (primeiras?) impressões a respeito dessa antologia, da qual faço parte, e me senti imensamente honrada (pra não dizer radiante de alegria mesmo, kkk!) com essa belíssima resenha. Obrigada por conferir e se emocionar com o nosso trabalho, realizado com todo o carinho, de fãs de Jane Austen para fãs (atuais e futuros) de Jane Austen ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por deixar um comentário aqui, Raquel ♥.

      Excluir
  11. Muito obrigada pela resenha! Fico feliz que tenha gostado do nosso livro, especialmente do "GarotaAusten.com".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por deixar um comentário aqui, Katherine ♥.

      Excluir
  12. Oi, Mari.
    Ainda não conhecia esse livro, mas achei a proposta dele super interessante!
    Cada um dos contos me pareceu bem criativo e fiquei curiosa para conhecer mais sobre essa antologia!
    Beijos
    Camis

    ResponderExcluir
  13. Ai, gente! Que tudo! E eu jurando que o livro era uma biografia haaahahaha
    Eu fiquei bem interessada nesse último conto.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Acredita que nunca li nada da autora Jane Austen? Pois é, seria legal começar por contos, já que essa variedade de pequenas histórias a princípio pode ser mais dinâmico para uma marinheira de primeira viagem. Adorei essa capa. Linda!
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  15. Eu adoro Jane Austen e estou em sentindo uma poser porque desconhecia este livro. Adorei a premissa das história e estou curiosa como cada universo foi retratado. Quero ler o mais rápido possível.
    beijops

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo