domingo, 21 de maio de 2017

Resenha: livro “Heated Rush”, Leslie Kelly

Resenha, livro, Heated-Rush, Leslie-Kelly
Uma das capas estrangeiras
 Olá pessoal, tudo bem? No post de hoje venho comentar sobre a minha experiência de leitura com o livro “Heated Rush”, escrito pela Leslie Kelly. No Brasil, ele foi publicado pela Harlequin em 2014 com título de "Tensão", e republicado em 2017 com o título de "Doce Tensão" pela Harpercollins. Como a edição da Harlequin (que foi a que eu li há alguns anos) não se encontra mais com facilidade para comprar, estou optando por colocar o título original da obra na resenha.

 “Heated Rush” é mais ou menos uma continuação de "Slow Hands" (Lento/Mãos quentes). Explicando melhor: a trama dos dois romances gira em torno de um leilão beneficente, onde rapazes seriam leiloados e ofereceriam um encontro (um passeio, um jantar...) para as mulheres que os arrematassem. Só que houve uma confusão com as fichas de inscrição dos rapazes e a ficha de um paramédico do Batalhão do Corpo de Bombeiros de Chicago foi trocada com a de um ex-garoto de programa. No primeiro livro, "Slow Hands" (já resenhado no blog, clique aqui para conferir a resenha), acompanhamos a história do paramédico Jake e da empresária Maddy. Após terminá-lo, estava curiosíssima para saber o que teria acontecido com o outro rapaz que teve sua ficha trocada, então, corri para ler "Heated Rush", onde acompanharemos a história do ex-garoto de programa Sean e da dona de creche Annie.

Tensao, Leslie-Kelly
Capa da Harlequin
 Por que uma dona de creche precisa leiloar um rapaz? Simples: Annie precisava de um acompanhante para ir na tradicional reunião de sua família. Annie é uma mulher que batalha por seus sonhos, mas vinha de uma família protetora demais, que achava que o lugar dela era lá, com eles, porém, a Annie queria cuidar da própria vida, e  acredita que, estando com um namorado, talvez sua família percebesse que ela estava seguindo em frente e a deixasse um pouco em paz.

 Porém, ao invés de um respeitável paramédico, Annie arrematou Sean. Ele não fazia mais programas, se tornou um empresário, mas sua reputação ainda era conhecida. Como ele iria explicar para Annie que ele não salvava vidas, ainda mais quando seu coração ficou balançado por ela?
Resenha, livro, Heated-Rush, Leslie-Kelly, doce-tensao, romance
Capa da Harpercollins

 Eu gostei mais do livro do que esperava. Fica bem claro ao longo da leitura que é um new adult, e não um romance hot como se pode imaginar num primeiro momento (nisso a capa da Harpercollins foi muito mais acertada do que a de outras edições).

 Clichê é uma palavra que não posso usar para definir o livro (talvez só na parte onde o gatinho terrível da Annie fica todo doce com o Sean). Os protagonistas são muito mais do que a gente imagina, e eu não vou falar mais sobre isso pois não quero estragar a surpresa para quem ainda vai ler.

 A escrita da autora é muito boa, e achei interessante a forma como ela construiu o romance e também as mocinhas independentes desses dois livros. Fica a recomendação para quem gosta de livros do gênero, de leituras rápidas e divertidas. Por fim, digo que não consigo escolher um favorito, pois gostei tanto da história da Maddy e do Jake quando da história da Annie e do Sean (a primeira foi mais quente, e a segunda mais surpreendente).

 Detalhes (da edição da Harpercollins): 224 páginas, ISBN-13: 9788539823123, Skoob. Onde comprar online: Saraiva.

 Por hoje é só, espero que tenham gostado do post. Me contem: já conheciam o livro ou a autora? De qual edição gostaram mais?

11 comentários:

  1. Maria!
    Gosto demais dos romances da Harlequin, sempre trazem enredo doces e estimulantes.
    Amei a ideia de 'comprar' um bonitão no leilão para um jantar ou para acompanhar em algum evento, mas claro que fica com cara de romance a vista, né?
    Um garoto de programa? Fiquei imaginando o que aconteceu entre eles...
    Que sua semana seja repleta de luz e paz!
    “A amizade, depois da sabedoria, é a mais bela dádiva feita aos homens.” (François La Rochefoucauld)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ola
    Confesso que nao leio muitos livros do gênero, mas essa premissa parece ser muito interessante. Faz muito tempo que nao leio um livro da Harlequin, mas isso nao quer dizer que eu nao goste. Pude compreender bastante o quanto você curtiu a leitura e isso me deixou bem motivada. Obrigada pela indicação..
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  3. Olaaa!
    A capa da happer collins está magnífica,linda mesmo. Menina e é que história é essa, hein? Já imaginei a loucura que foi, além do mais o fato de os personagens não serem superficiais torna o livro ainda mais atraente, não nego que fiquei com muita vontade de ler, mas antes gostaria de ler a do paramédico hahaha adorei a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Maria!
    Eu tenho essa edição da Harlequin! haha Adoro essa história, não é nada do que eu esperava a partir da capa (convenhamos que sim, a capa da edição da HarperCollins está muito mais em sintonia com a história do que a da Harlequin) e muitas vezes mais doce e bonitinha. O desenvolvimento da narrativa foi bem legal também, mostrando a construção do relacionamento dos dois personagens principais... enfim, esse é uma leitura muito agradável mesmo! Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu não conhecia essa história, nem a autora. Eu fiquei feliz em saber que é um New Adult, porque eu não sou muito fã de livros hot, no New Adult as coisas conseguem ser mais leves e ao mesmo tempo quente. Acho a leitura hot muito pesada. Eu fiquei curiosa para conhecer essa história, por causa desse fator que mencionei, mas eu vou ter que procurar pelo primeiro livro e vê o que eu acho. As capas são bonitas, mas concordo com você a da Harpercollins está muito melhor.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  6. Olá Maria,

    Não sou muito fã desse gênero literário. Nunca ouvi nada sobre esse livro ou sobre essa autora. E confesso que leiloar pessoas não parece algo muito legal para mim, parece mais um livro de drama.

    Beijos e obrigada pela dica
    http://floraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oii
    Não conhecia os livros. Que bom que gostou dos dois. Eu não sei diferenciar New Adult de romance hot, kkkk, para mim é tudo meio igual. Até os leio, mas não são minhas leituras favoritas. No momentos estou tentando fugir um pouco do romance para conseguir me abrir a novos gêneros. Então, não fiquei muito interessada na narrativa, apesar de ter achado bem legal esta história de 'troca de papeis', a autora se saiu bem, já que quem gostou do primeiro livro com certeza teve interesse em saber o que aconteceu com o outro cara.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  8. Você acredita que ue nunca li um livro do selo Harlequin?
    Realmente lendo o enredo dá pra pensar que é um livro hot, eu mesma pensei isso, fiquei surpresa quando você disse que trata-se de um NA.
    Me pareceu bem clichê mesmo, mas não ligo, adoro clichês. Então eu leria se tivesse oportunidade! ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Apesar do livor não ser clichê, como você frisou na resenha, o enredo deste tipo de livro não consegue prender minha atenção. Acho que até hoje nada da Harlequin consegue prender minha atenção. Mas achei a interessante a parte que a série se desenvolve através do leilão de rapazes, e que uma das fichas tenha sido trocada. Quem sabe um dia não me interesse pela leitura;

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Eu não sou muito fã de romances e prefiro fantasia. As únicas exceções são para comédias românticas. Não fiquei interessada na história, porque não costumo gostar de livros do gênero. Sobre a resenha eu gostei bastante, porque vc soube dar todas as informações de forma clara e sem spoiler.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  11. OOI!A obra parece interessante, mas, infelizmente, sofro de uma seria alergia a romances dfgnkfd Também acho essa confusão na hora do leilão muito conveniente para o desenrolar da história, mas achei que realmente n caiu no clichê. Ah! agradecemos pelo seu cuidado em evitar spoillers

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim.
Leio todos os comentários, mesmo que nos posts mais antigos. Responderei seu comentário aqui nesse mesmo post. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados