Uma carta para Charlie


     Olá pessoal, tudo bem? Um dos temas sugeridos este mês, na blogagem coletiva do grupo Rotaroots foi "Das cartas que eu nunca te escrevi". A ideia era escrever uma carta que a gente sempre teve vontade, e que por algum motivo nunca escreveu.
     Eu decidi escrever para o personagem Charlie, do livro "As Vantagens de Ser Invisível" (Stephen Chbosky, Editora Rocco). Para quem não sabe, o livro é composto por várias cartas onde Charlie vai escrevendo sobre sua vida, o destinatário não tem nome e presume-se que seja o leitor.

     *Sugestão: ouça a música enquanto lê, ela faz parte da trilha sonora de "As Vantagens de Ser Invisível".



Uma carta para Charlie

Liberdade, 13 de setembro de 2014.     

Querido Charlie,

      Espero que, neste exato momento, você esteja bem.
      Após ler todas as suas cartas, senti que precisava te escrever de volta. Senti que precisava te agradecer por me contar sua história. Talvez você nem imagine o quanto suas palavras foram importantes para mim!
       Antes de receber suas cartas, eu não me entendia, não entendia o que acontecia dentro da minha cabeça e do meu coração. Toda vez que eu tentava compreender, tudo ficava ainda mais complicado e eu acabava desistindo. Agora eu entendo um pouco mais, e devo isso a você!
      Charlie, entre outras coisas, você me mostrou que eu não era a única pessoa que tinha uma vida feliz e triste ao mesmo tempo! Temos muitas semelhanças (fazer aniversário no mesmo dia é só uma delas), me reconheci em muito do que você escreveu. Você entende o quanto é especial e reconfortante encontrar alguém que é parecido com a gente? Eu acho que entende sim!
      Em sua cartas, você organizou em palavras o que eu tentava, mas não conseguia dizer. Isso me deu um alívio enorme.
      De tudo o que foi escrito, tem alguns trechos de sua última carta que me marcaram para sempre, você disse:
      "Então, eu acho que somos quem somos por várias razões. E talvez nunca conheçamos a maior parte delas. Mas mesmo que não tenhamos o poder de escolher quem vamos ser, ainda podemos escolher aonde iremos a partir daqui. Ainda podemos fazer coisas. E podemos tentar ficar bem com elas."
      Obrigada, Charlie! Eu tentava, em vão, entender as razões pelas quais eu era o que era, e principalmente as razões pelas quais eu sentia o que sentia. Isso me consumia! E você me disse para olhar pra frente, e eu olhei!
      Na mesma carta, você disse: 
      "Acho que, se um dia eu tiver filhos e eles ficarem perturbados, não vou dizer a eles que as pessoas passam fome na China nem nada assim, porque isso não mudaria o fato de que eles estão transtornados. E mesmo que alguém esteja muito pior, isso não muda em nada o fato de que você tem o que você tem. É bom e mau.
      (...)Talvez seja bom colocar as coisas em perspectiva, mas às vezes acho que a única perspectiva é estar aqui. Como disse a Sam. Porque não há problema em sentir as coisas. E ser quem você é." 
      Mais uma vez, obrigada! Obrigada por não ser como tantos que pisam, menosprezam e ridicularizam os sentimentos e as dores alheias. Obrigada por deixar que as pessoas ao seu redor possam ser elas mesmas! 
      E obrigada por falar sobre as perspectivas, como diria Bill, o seu adorável professor, "às vezes as pessoa usam o pensamento para não participar da vida". Eu via as coisas sob perspectivas demais, e não reparava na mais importante, não participava. Juro que estou tentando mudar isso.
      Querido Charlie, eu teria muitas coisas para te dizer, quem sabe até daria para escrever um livro. Mas, por hoje, acho que já falei o mais importante.
      Não me chame de chata, mas preciso agradecer novamente: obrigada por fazer mais por mim do que tantas outras pessoas foram capazes de fazer!
      Até algum dia!
Com amor,
Maria.

     ps.: mande um abraço ao Stephen Chbosky, por favor ;) .



     Sentimentos são coisas muito pessoais, o que faz sentido para alguns pode não fazer para os outros; mas como o blog Pétalas de Liberdade é primeiramente um blog pessoal, achei que seria bom escrever esta carta e postá-la aqui.
     Obrigada por lerem!


Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobGoodreadsBloglovin (receba os posts do blog no seu e-mail)| Instagram.
22 comentários via Blogger
comentários via Facebook

22 comentários

  1. Que amor essa carta. Ficou ótima :')
    Beijos www.iamcamialkellen.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  2. Ótima sua ideia de responder as cartas dele! Tenho tanta vontade de ler esse livro >_<
    A carta ficou linda !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  3. Oi Maria! Nossa, adorei sua carta para o Charlie!
    Muito criativa a ideia de respondê-lo, rs.
    Deve ser bem legal fazer aniversário no mesmo dia em que um personagem que gostamos também faz aniversário, né?

    Beijinhos,

    Thati;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thati, essas coincidências tornam o livro ainda mais especial, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  4. Maria, que carta mais delicada e repleta de sentimentos.É tão bom quando nos identificamos com um personagem e sentimos as mesmas esperanças que eles. Achei essa postagem coletiva muito interessante e me deu até vontade de escrever cartas para meus personagens favoritos!
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paloma, obrigada pela visita e comentário. Dica: se você resolver escrever uma carta para algum personagem, dá uma olhada nesse projeto: http://bevccmq.blogspot.com.br/2014/09/cartas-personagens-literarios.html .

      Excluir
  5. Aorei a carta, impossível não amar o livro As Vantagens de Ser Invisível, inclusive preciso reler a obra!

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  6. Sua carta me deu vontade de ler o livro novamente ahahaha como não amar ele?
    *_*

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clayci, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  7. Olá!
    aaaaai Mari! adorei a sua carta!
    voce colocou as palavras que eu TAMBEM gostaria de dizer a Stephen e a Charlie!
    então quer dizer que você também é aquelas que acabam dando um presente só no fim do ano?! espero que faça protesto que isso é muito injusto ahaha :)
    adorei adorei adorei a carta!!!
    que venham mais posts pessoas do rotaroots! :)

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lara, fico contente que tenha gostado. É, eu ganho um presente só para Natal e aniversário, mas se ganhar já estou no lucro, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  8. Oi Mari, tudo bem?
    Achei bem legal essa ideia da carta, se eu fosse fazer em meu blog eu já teria vários personagens em mente para quem escrever. Gostei bastante da carta que você escreveu para o Charlie, mesmo nunca tendo lendo o livro ou assistido ao filme me, coisa que pretendo fazer em breve!

    Beijão :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maiara, obrigada pela visita e comentário. Dica: se você resolver escrever uma carta para algum personagem, dá uma olhada nesse projeto: http://bevccmq.blogspot.com.br/2014/09/cartas-personagens-literarios.html .

      Excluir
  9. Me emocionei agora. Sua carta ficou maravilhosa. Enquanto lia o livro senti essa necessidade de responder e você fez isso. Amei!

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, fico contente que tenha gostado. Obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  10. Você escreve muito bem, adorei a carta.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro

    ResponderExcluir
  11. parabens pelo post. realmente emocionante
    bjs
    Flavia
    www.secret4beauty.blogspot.com
    www.adoteumfocinhocarente.blogspot.com
    loja virtual: www.adote.iluria.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo