Resenha: livro "Quarto", Emma Donoghue

 Olá pessoal, tudo bem? O livro da resenha de hoje é Quarto, escrito pela Emma Donoghue e publicado no Brasil pela editora Verus.

Capa, Resenha, livro, Quarto, Emma Donoghue, sinopse, trechos

 Histórias de pessoas que são mantidas em cárcere privado sempre despertaram minha curiosidade. Li uma resenha de "Quarto" e, desde então, fiquei com muita vontade de ler o livro.

 Jack, o narrador da história, é um garotinho que acaba de completar 5 anos. Ele mora com sua mãe em um quarto. Desde que nasceu, esse era o mundo para Jack: o Quarto. Segundo sua mãe, tudo o que ele via na tv ou nos poucos livros que possuíam, eram coisas inventadas, de mentirinha. Além deles, existia o Velho Nick, que ia ao Quarto de noite e levava tudo o que eles precisavam: comida, remédios...

 Mas quando Jack completou 5 anos, tudo mudou! Sua mãe decidiu lhe contar que existia vida além do Quarto, existia um mundo lá fora, onde quase tudo o que ele via na televisão existia de verdade. Ele não era a única criança do mundo, existiam outras crianças, outras pessoas, outras famílias, outros animais.

 E, agora que Jack já era "grande" o suficiente, poderia e precisaria ajudar sua mãe a conseguir sair do Quarto.

 "O Lá Fora tem tudo. Agora, toda vez que eu penso numa coisa, como esquis ou fogos de artifício ou ilhas ou elevadores ou ioiôs, tenho que lembrar que eles são reais, acontecem todos juntos de verdade no Lá Fora. Isso deixa minha cabeça cansada. E as pessoas também, bombeiros, professores, ladrões, bebês, santos, jogadores de futebol e gente de todo tipo, eles todos estão mesmo no Lá Fora.
 Mas eu não estou lá, eu e a Mãe, nós somos os únicos que não estão lá. Será que ainda somos reais?" (página 86)

 Comecei a leitura esperando pelo pior, por um final trágico, e me surpreendi muito. Por ser narrado por Jack, um garotinho muito inteligente, mas que também faz manha como qualquer criança da sua idade e que não consegue conjugar direito o verbo trazer, a história ganhou um pouco mais de leveza e humor.

 "Não é para a Mãe me perguntar coisas, é para ela saber." (página 124)

 Como está na sinopse, a mãe de Jack foi sequestrada pelo Velho Nick e estava presa no Quarto por sete anos, sendo abusada e privada da liberdade. Ainda assim, ela foi forte o suficiente para cuidar de Jack da melhor maneira que conseguiu, dentro das possibilidades. A rotina que ela montou para a vida dos dois e o carinho com o filho são surpreendentes. Mas a situação estava no limite quando ela precisou montar um arriscado plano de fuga, confiando plenamente em seu pequeno filho.

 A história foi diferente do que eu imaginava, algumas coisas me pareceram acontecer rápido demais e outras demoraram. Não foi uma leitura que me desse vontade de chorar, mas que me encantou com a esperteza do garoto e com a coragem da mãe. É um livro que gostei e que recomendo.

Capa, Resenha, livro, Quarto, Emma Donoghue, sinopse, trechos, Verus, Editora
Contracapa, Resenha, livro, Quarto, Emma Donoghue, sinopse, trechos

 Achei a capa bem bonita, o livro é dividido em partes, as folhas são amareladas e o tamanho das margens, do espaçamento e das letras é bom.

 Detalhes: ISBN: 9788576861317, 350 páginas, Skoob (minha nota: 4/5). Onde comprar online: Americanas.

 Por hoje é só, espero que vocês tenham gostado da resenha. Alguém aí já leu Quarto?


Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobGoodreadsBloglovin (receba os posts do blog no seu e-mail)| Instagram. 
26 comentários via Blogger
comentários via Facebook

26 comentários

  1. ótima resenha e a capa do livro é muito bonita!!!

    http://criativare-leitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oi maria, adorei sua resenha amiga, parece legal, faz um post com seus romances preferidos <3
    maria me visite tambem:
    gilvaniaevans.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sugestão anotada :) ! Obrigada pela visita e comentário!

      Excluir
  3. oi, tudo bom?
    histórias assim também me chamam muito atenção, mas eu ainda não tinha encontrado nenhum livro que tratasse do assunto, o máximo que eu tinha feito era ver filmes sobre o assunto!
    adorei sua resenha e muito obrigada pela dica de leitura *--*
    beijos e muito sucesso nesse ano que está por vir <3
    http://resenhandoaarte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oii Mari, tudo bem com você?
    Sempre amo conhecer novos livros e com esse não foi diferente. Adorei o que você falou dele, e dá um pouco de tristeza também por saber que eles são reféns desse cara, então, a criança é filha desse homem? Vish, que bad isso. Mas com certeza vai para minha lista, pretendo ler assim que possível.

    Beijos da Jéss ♥
    Brilliant Diamond | Fan Page | Participe do sorteio

    ResponderExcluir
  5. Olha tenho que confessar que sua resenha me chamou bastante atenção, porque fiquei interessada agora em ler o livro, mas queria te perguntar uma coisa, qual é o gênero dele? Porque eu não gosto de coisa muito pesada sabe? Se for uma leitura leve e tals que dá pra ler blz. Eu até que gostei da história. Vc falou de uma maneira bastante clara e isso acabou que aguçando ainda mais minha curiosidade.
    Espero poder ler.

    Enfim...Se cuida linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é bem mais leve do que parece. Obrigada pela visita e comentário!

      Excluir
  6. Mdsss =O Me interessei muitoo por esse livro.
    Fiquei curioso para ver uma situação dessas narrada por uma criança de 5 anos.
    Adorei a resenha, ja coloquei o livro na minha lista kkk
    Um abraço
    Oficina do Leitor / Facebook

    ResponderExcluir
  7. Oi, Maria! A história do livro parece ser muito interessante. Muita gente diz que as crianças são as melhores, sinceras, determinadas, e eu acho que seria muito curioso saber mais e entender melhor do ponto de vista de uma criança sobre fatos tão incomuns do dia a dia, como, no caso, um sequestro e todas as aventuras que isso os proporcionou.

    Beijos,
    www.meianoiteequinze.com.br
    www.youtube.com/ferzucolotto

    ResponderExcluir
  8. Adorei esse livro e que capa linda !!! Vou procurar pra comprar!
    bjoo



    Retrospectiva 2014 - http://mundoemcartas.blogspot.com.br/2014/12/retrospectiva-2014-resenhas.html

    ResponderExcluir
  9. Nossa, não conhecia esse livro é gostei da resenha. Além de a capa ser linda!

    Beijos
    albumdeleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Nossa! Fiquei muito interessado nesse livro! Estou curioso para saber como as coisas se desenrolam nele, já que me parece ter uma história bastante chamativa. Vou procurar para comprar. Bjsssss!

    http://estrelaspessoais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Maria, tudo bem?
    Nossa, ainda não conhecia o livro, mas fiquei surpresa com sua temática.
    Não imagino como deva ser uma vida desse modo e fico admirada pela mãe conseguir criar um filho nessas condições, por mais doloroso que possa ser.
    Grande beijo ♥

    Thati;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
  12. É um leitura com um enredo bem diferente do que estou acostumada a ler, mas o leria com certezaaaa. Sua resenha me encantou e fiquei morrendo de vontade de saber como esse garotinho que me pareceu bem sapeca contou essa história.

    bjs

    ResponderExcluir
  13. Oii, oi Já vi falar desse livro as nunca Li, Gostei bastante da sua resenha !!
    Não costumo ler livros do gênero mas gostei ^^
    Beijos ♥ O Melhor de Mim

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo