Resenha: filme "Bird Box" (Caixa de Pássaros)

 Olá pessoal, tudo bem? Agora que o Natal já veio e passou, vamos falar de um filme mais tenso: "Bird Box", ou, em português, Caixa de Pássaros. Baseado no livro de mesmo nome (escrito por Josh Malerman e publicado no Brasil pela Editora Intrínseca), Bird Box estreou semana passada na Netflix.

Resenha, filme, Bird Box, Caixa de Pássaros

 A história começa com Malorie (Sandra Bullock), um garoto e uma garota, partindo de barco para um viajem pelo rio em busca de um novo abrigo. Aí voltamos no tempo, cinco anos antes, quando Malorie pintava quadros e estava grávida. Ela foi com a irmã numa consulta médica, mas, na volta, o caos tomou conta. Visões estavam fazendo com que as pessoas enlouquecessem e se suicidassem. 

Bird-Box, Caixa-de-Passaros

 Malorie vai se refugiar com outras pessoas numa casa, porém, pela primeira cena do filme, a gente já deduz que eles vão se separar em algum momento. Seria quando a comida acabasse? Alguns sucumbiriam às visões? Malorie e as duas crianças conseguiriam fazer a viagem pelo rio vendados? Chegariam em algum lugar? Como ela tinha dois filhos se não estava grávida de gêmeos? Essas e outras perguntas vão sendo respondidas ao longo das duas horas do filme.

 Eu não li o livro no qual o roteiro se baseou, por ter lido algumas resenhas de pessoas que não curtiram muito o final, então não tenho como comparar os dois. Mas pelos comentários que vi de outras pessoas que assistiram Bird Box, parece que há sim algumas diferenças em relação ao livro, inclusive no final. Mesmo assim, confesso que estou até considerando ler o livro agora, pois gostei mais da história do que esperava. É, eu comecei a assistir pensando que ia detestar, mas a curiosidade falou mais alto, decidi ver e gostei mais do que imaginava.

 Não esperem ver monstros aterrorizantes, as criaturas mais cruéis que vocês encontrarão são os próprios humanos, que movidos pelo medo ou pela loucura, são capazes de qualquer coisa. Não foi um filme apavorante, mas senti certa tensão do início ao fim, tive medo do que poderia acontecer na cena seguinte e confesso que não acreditava no sucesso da jornada de Malorie e das crianças, aliás, acho que essas foram as sensações mais marcantes no filme para mim: desolação, devastação, falta de esperança.

 Não sou especialista nesses assuntos, mas o filme tem um visual sombriamente agradável e boas atuações. A pequena Vivien Lyra Blair, que faz a Garota, roubou meu coração com sua fofura! Trevante Rhodes (o Tom) também foi um personagem que gostei muito. Aliás, foi muito interessante a diversidade presente no elenco, com pessoas de todas as idades, cores e pesos. Por fim, preciso mencionar que amei descobrir o motivo do título!

Bird-Box, Netflix

 Confira o trailer:



 E por hoje é só, fica a minha recomendação para quem quiser assistir o filme. Alguém aí já viu? O que achou? Vale lembrar que atualmente a assinatura mensal da Netflix custa R$19,90, e pode ser paga com cartão de crédito, cartão de débito, cartões pré-pagos e débito em conta (clique aqui para ver todas as opções de pagamento) e o primeiro mês é grátis. Para quem quiser comprar o livro na Amazon, é só clicar:


Até o próximo post!

Me acompanhe nas redes sociais:

8 comentários

  1. Eu assisti esse filme essa semana, achei muito bom. O interessante é que não vemos a tal presença, mas dá para sentir o medo e a tensão. Muito bom mesmo!

    ResponderExcluir
  2. Eu assisti e li Caixa de pássaros, e gostei muito da história. O filme tem algumas mudanças, mas nada muito drástico, e que na verdade deixaram ainda melhor. Me apaixonei pela Garota também, que coisa mais fofa!
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu li o livro e adorei, apesar de ter esperado muito mais. Vi o filme e gostei muito, acho que fizeram um excelente trabalho levando em conta que é uma adaptação, mas também espera mais do desfecho e claro, descobrir o que aterrorizava as pessoas. Mas no geral eu adorei ambos.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    O livro foi um dos meus favoritos do ano e por causa disso, estou morrendo de medo de assistir o filme. Primeiro que não gosto da Sandra Bullock, segundo que é uma história difícil de adaptar e só pelo trailer (que já vi que mudaram muitas coisas) e alguns comentários que li, tenho quase certeza de que não vou gostar. Então estou adiando a minha raiva, rsrs.
    Pelo menos, eles não mostram os monstros, pois essa é uma das partes mais interessantes do livro.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Eu também assisti o filme sem esperar muito e AMEI. Um monte de gente fazendo crítica negativa e eu curti bastante tudo no filme, inclusive compreendi as coisas sem necessitar ficar levantando um monte de teorias esquisitas na internet.kkkkkkk O que vi de postagens sem noção no facebook!rsrs Pelo amor de Deus! As pessoas querem que o filme dê TODAS as respostas. Um exemplo: "O céu escureceu". Aí a pessoa vai querer que haja uma pausa nos acontecimentos para que os personagens expliquem detalhadamente por que o céu escureceu!kkkkkk... As coisas estão tão ridículas assim! Enfim... Eu curti muito mesmo e entendi perfeitamente o que levava cada pessoa a se suicidar, bem como o motivo para nem todos os personagens sucumbirem e o final foi maravilhoso!

    As crianças brilharam naquele final!!! Eu fiquei muito tensa. Mal me atrevia a respirar.rsrs

    ResponderExcluir
  6. Eu vi o filme antes de ler o livor e adorei. O livro é excelente também, até mais que o filme, mas merece ser conferido por quem não pretende ler o livor. Enredo original e adorei o final.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?

    Eu assisti ao filme primeiro e agora estou lendo o livro, apesar das diferenças e não são poucas, eu gostei muito do filme e estou gostando muito do livro também. Parabéns pela crítica, ficou bem legal!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu acho que sou a única pessoa que ainda não assistiu esse filme e, para falar a verdade, nem pretendo. Apesar de amar a Sandra Bullock, não curto o gênero e a história em si também não me deixou com vontade de arriscar.
    Mas fico feliz que você tenha se surpreendido positivamente e espero que goste do livro também.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo