Resenha: livro "Sem Saída", Taylor Adams

 Olá, pessoal! Tudo bem? Na resenha de hoje, venho comentar sobre minha experiência de leitura com o livro "Sem Saída", escrito pelo Taylor Adams e publicado no Brasil pela Faro Editorial em 2019.

Resenha, livro, Sem-Saida, Taylor-Adams, Faro-Editorial, blog-literario-petalas-de-liberdade, foto, capa, opiniao, filme, quote, suspense, neve

 "Darby odiava aquilo. Ela não era uma líder. Nunca se sentia à vontade como centro das atenções. Quase sofrera um ataque de pânico no ano anterior quando os garçons do Red Robin cercaram sua mesa para cantar 'Parabéns a você'. Novamente, se viu desejando desesperadamente que alguém estivesse em seu lugar. Alguém mais esperto, mais tenaz, mais corajoso, a quem todos pudessem recorrer. Mas não havia ninguém.
 Só ela." (página 160)


 Em 23 de dezembro, Darby saiu da faculdade em Boulder, no Colorado (EUA), de carro, para ir até Utah, onde morava a mãe que estava doente.

 Darby pretendia dirigir pelo final da tarde e durante a noite para poder chegar em casa. Porém, a neve caía intensamente e as estradas ficaram intransitáveis.

 Sem poder continuar a viagem, Darby precisou parar numa área de descanso onde já estavam quatro outras pessoas: Lars (um rapaz que parecia estar resfriado), Ashley (que recorria aos jogos para passar o tempo), Ed e Sandi (casal que parecia já se conhecer).

 Darby teria de esperar até que os limpa-neves desbloqueassem as estradas para finalmente poder ver a mãe. Mas as coisas se complicariam quando Darby, procurando um local onde seu celular tivesse sinal, visse uma criança presa dentro de um dos carros do estacionamento.

 Será que Darby conseguiria descobrir quem havia deixado a criança trancada dentro do carro em meio à neve? E se ela descobrisse, como poderia ajudar a criança? A quem ela poderia pedir auxílio?

 Imagine que é você que está isolado por causa de uma nevasca, com quatro desconhecidos, sabendo que um deles está escondendo uma menina amordaçada no carro, o que você faria? Deixaria o fato de lado ou tentaria ajudar? Darby escolheu a segunda opção, mudando totalmente os rumos daquela noite.

 "Quais eram as probabilidades de dois outros viajantes terem vindo da mesma cidade da costa oeste que a criança sequestrada? Entre todos os outros lugares? Ali, a centenas de quilômetros no interior do país, presos eu uma área de descanso remota nas Montanhas Rochosas? (...) Esta noite não há coincidências..." (página 177)

 Tinha visto comentários empolgados sobre "Sem Saída" e comecei a leitura curiosa para descobrir o que conquistava os leitores no livro. Até por volta da página 40, eu estava pensando que deveria ter lido "Sem Saída" assim que ele chegou em minhas mãos, no último novembro, pois teria me servido de base para fazer a ambientação do conto que lancei no final do ano passado e que também tem uma estrada nevada como cenário (se ainda não conhece "Eu nunca vou te abandonar", clique aqui). O autor foi nos apresentando ao dilema familiar da personagem enquanto nos inseria naquele cenário de uma noite longa e fria.

 É depois da página 40 que a história ganha velocidade, e por volta da página 80, o ritmo se torna alucinante até o final! Não vou contar muito na resenha para não dar spoilers, mas o fato é que Darby precisará fazer escolhas, nem todas elas darão certo, mas trarão consequências.

 "Sem Saída" é um daqueles livros em que você pensa que já ligou todos os pontos para desvendar o mistério e que a protagonista vai vencer naquele capítulo, mas você vira a página e lá vem bomba! Há muitas reviravoltas na trama. Eu poderia tê-lo lido em menos tempo, mas ficava tão tensa com os acontecimentos que precisava parar a leitura para respirar. Para vocês terem ideia, várias vezes tive que olhar na página seguinte para ver logo no que determinada cena ia dar, e só então continuar a ler, tamanha era a tensão que sentia.

 E aí veio o final, quando eu já estava conformada com o desfecho, e o autor me presenteou com um epílogo acalentador. Obrigada, Taylor!

 "Aquela noite fora marcada de modo vertiginoso pelo acaso e pelas surpresas inesperadas." (página 199)

 Na capa diz que "Sem Saída" terá uma adaptação cinematográfica. O livro já tem um ritmo cinematográfico, é fácil visualizar as cenas pela descrição do autor, o enredo é com certeza um bom material para um filme que conquistará os espectadores assim como o livro vem conquistando os leitores. Eu vou querer assistir para rever a história de uma jovem que não se achava corajosa, mas que lutou com todas as suas forças para vencer no final, a história de uma noite onde muita maldade foi cometida, mas onde pessoas que pareciam frágeis foram capazes de atos de bravura que mudaram tudo.

Sinopse, livro, Sem-Saida, Taylor-Adams, Faro-Editorial, blog-literario-petalas-de-liberdade,
Livro, Sem-Saida, Taylor-Adams, Faro-Editorial,

 A edição traz uma capa com elementos condizentes com a obra, tem o título em alto relevo, páginas amareladas, boa revisão e diagramação com letras, margens e espaçamento de bom tamanho.

 Eu gostei muito de "Sem Saída", um livro com uma boa escrita, personagens marcantes e uma história envolvente. É uma leitura que eu recomendo, mas preparem-se para um suspense eletrizante e com fortes emoções.

 Detalhes: 272 páginas, ISBN-13: 9788595810969, tradução: Carlos Szlak, Skoobclique para comprar na Amazon:


 Por hoje é só, espero que tenham gostado do post. Me contem: curtem livros de suspense? Já leram ou querem ler "Sem Saída"?

Até o próximo post!

Me acompanhe nas redes sociais:

8 comentários

  1. Oi Mari.

    Sua resenha foi a primeira que leio sobre este livro e adorei as informações que você deixou da história. Parece ser um romance eletrizante. Parabéns pela resenha e obrigada pela dica. Realmente amei!

    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Oi!

    Raramente leio livros do gênero pois costumo ficar muito vidrada com a leitura, mas sempre que leio uma resenha fico curiosa e já começo a montar teorias sem nem mesmo conhecer todos os personagens, rs.
    Acho qeu essa seria uma obra que eu curtiria ler.

    Abraços,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Esse livro é sensacional, ele me deixou agoniada do começo ao fim, meu Deus que final! Fiquei com o coração na boca! Mais um livro que entrou para os meus favoritos da vida! Espero que a adaptação cinematográfica faça jus a obra.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Caramba, o livro parecer ser emocionante. Era eu lendo tua resenha e já me faltando um pouco de ar ao imaginar todo o cenário. Deve ser uma leitura, mesmo tão densa, muito gostosa. Com toda certeza, adicionado à minha lista de leitura.
    Parabéns pela resenha <3

    beijinhos|| Utopia

    ResponderExcluir
  5. Olá amoreca

    Não conhecia o livro ainda, já amei a capa!
    Parece se tratar de uma hitória bem intensa e tensa.
    Anotada a dica aqui pra ler.


    Beijokas
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Mari!!
    Menina, eu já vi algumas resenhas desse livro e até agora só apenas elogios, eu realmente achei a premissa do livro muito muito boa, sem sombra de dúvidas em algum momento eu vou acabar dando uma chance a ele e vou ler.

    Beijos!
    Eita Já Li

    ResponderExcluir
  7. Queroo!!! Amo livros de suspense e só pela resenha já sei que vou amar.
    A capa é linda . Super anotada a dica , gostei bastante de sua resenha, me despertou curiosidade! Quero saber que mistério é esse kk

    bjss

    www.chuvanojaridm.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas lendo a sua resenha foi impossível não ficar curiosa. Não é um gênero que leio muito, mas adorei a premissa. Além disso, deu para ver que é um livro muito dinâmico e cheio de reviravoltas, o que torna a leitura interessante.
    Adorei sua resenha e vou anotar a dica.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo