Resenha: livro "Fábula de Viagem no Tempo: Por Amélia, a Gata", Hugo Dalmon

 Olá pessoal, tudo bem? Na resenha de hoje venho falar sobre o novo livro do escritor Hugo Dalmon: "Fábula de Viagem no Tempo: Por Amélia, a Gata", que está sendo lançado em 2017 pela Editora Multifoco. Eu tive a honra de ler o livro num arquivo digital cedido pelo autor antes do lançamento, e hoje venho trazer para vocês minhas considerações sobre a leitura.

Resenha: livro "Fábula de Viagem no Tempo: Por Amélia, a Gata", Hugo Dalmon

 Amélia era uma gata, e é ela que nos conta a história das viagens no tempo que acontecerão na trama. Mas Amélia já começa derrubando tudo o que acreditamos saber sobre a origem dos felinos. Segundo ela, os gatos vieram de outro planeta, mas são seres tão evoluídos que nós, simples humanos, nunca percebemos isso. Fomos escravizados e hipnotizados por esses seres de quatro patas.

 O humano que pertence à Amélia se chama Oz (não é ela que pertence a ele, que fique bem claro). Ele é um rapaz que trabalha na floricultura da família, a Abelha Rainha, um trabalho bem calmo pra dizer a verdade. Até que um dia surge uma tal de Glória, de um jeito muito louco, que eu não vou contar qual é, e diz pro Oz que ele precisa viajar até o ano de 1998 para ajudá-la. Essa viagem seria feita através de um artefato mágico: um colar enterrado no jardim, com um pingente de abelha.

 Mesmo estranhando muito a situação, o Oz decide ver se aquilo tudo era real mesmo. Só que a Amélia, curiosa como todos os gatos são, acaba tocando no Oz no momento em que ele coloca o colar para viajar no tempo. E aí a confusão começa! Os dois voltam ao passado, mas não exatamente na data para a qual deveriam ir para encontrar a Glória. Amélia fica no corpo de uma garota, e Oz, no corpo de uma senhora chamada Florinda!

"Enquanto subíamos as escadas, Oz (doravante denominado Florinda) colocou as mãos trêmulas na têmpora e dizia baixinho:
- Isso não é real... Isso não é real... Não é real! - enquanto uma lágrima escorria por seus olhos.(...)
- Me diz, garotinha, de onde você está tirando essas coisas? – a voz de Florinda era trêmula e no fundo devia incomodar a sua consciência, naquele momento Oz. – Por um acaso você é um ET? Sou cobaia de alguma experiência? – A velha pausou com ar de quem estava especulando algo em sua mente, olhou com olhar de quem me julgava e prosseguiu – VOCÊ É A GLÓRIA! Me tira disso agora!!! O que está fazendo comigo? Eu sabia que tinha uma parada errada, eu vi A Hospedeira, tenho certeza que isso é uma experiência alienígena!!!"

 Mas a confusão não para por aí. Tentando voltar ao presente, eles acabam viajando para outra época e um deles vai parar no corpo de uma cantora super famosa! Adivinhem quem ficou pensando que queria ser a Madonna na hora errada? Será que o Oz e a Amélia conseguirão voltar aos seus corpos e suas vidas no ano de 2017? As confusões que esses dois aprontarão nas épocas pelas quais vão passar afetariam o resto do universo? E o que o Oz precisa fazer pela Glória? Isso vocês só vão descobrir lendo o livro, mas uma coisa eu já adianto: o final é surpreendente.

 Quem acompanha o blog há muito tempo, talvez se lembre que em 2013 eu fiz a resenha do divertido "Babilônia Encantada", o primeiro livro do autor, e que na época já me tornei fã dele. Em 2016, resenhei o segundo livro dele, "Quero me lembrar de você, Amy Winehouse", uma homenagem à cantora falecida em 2011. E também no ano passado eu resenhei o conto que ele escreveu: "A Abnegada", onde ele já brincava com essas realidades paralelas.

 "De qualquer forma, eu fui. Acho que de alguma forma eu gostava daquele idiota. (...) Era um humano medíocre que não explorava suas capacidades? Era um humano preguiçoso, com inteligência mediana e um pouco solitário? Era um humano que não se importava em contribuir pra sociedade em que vivia? Era! Era, talvez, o humano mais idiota que já convivi, mas era o meu humano! 
E eu queria que respeitassem meu humano. Por isso, fui! Botei a cara no vento de 1975 e senti o cheiro do saneamento básico mal feito..."

 Em "Fábula de Viagem no Tempo: Por Amélia, a Gata", o Hugo continua mantendo o excelente nível de suas outras obras, com histórias interessantes e uma escrita ótima. A forma como a floricultura e a abelha apareciam na trama ao longo de muitas décadas ficou super interessante. Amélia e Oz dividiram muito bem o protagonismo. É incrível ver uma gata descobrindo tudo o que um corpo humano pode fazer e experimentando sentimentos novos que ela não conhecia em sua vida como animal de estimação. Amélia faz com que a gente repense como nós, humanos, vivemos e aproveitamos a nossa vida e as nossas capacidades. Eu já li algumas histórias protagonizadas por gatos, mas nunca encontrei uma gata tão cheia de personalidade como a Amélia. Sobre o Oz, não vou falar muito para não estragar a surpresa. Só quero acrescentar que o autor costuma abordar a temática LGBT em suas histórias.

 "Só de andar pelas ruas eu percebia mais estupidez que o normal. Os humanos passavam uns pelos outros sem se olharem, não me olharam também, é claro! Fingiam estar sozinhos, ou se estivessem em grupo, aí, fingiam estar só com aquele grupo, como se nada mais em volta existisse. Alguns, olhavam para outros humanos, mas desviavam o olhar antes que fossem descobertos. Era muito estranho essa coisa de ignorar, completamente, um igual. Reconheço que nós gatos costumamos não nos simpatizar, mas ao menos demonstramos, claramente, através de rosnados, caretas, saliva e umas mordidas, que não gostamos do pelo áspero do outro. (...) Assim como julgamos importante experimentar a presença de todos os outros gatos, simpatizando ou não com eles. Afinal, existimos graças aos outros gatos, porque com nosso filtro de realidade, os humanos podiam nunca nos descobrir, mas como eles são escravos... digo, seres maravilhosos para nos tratar, optamos por deixá-los nos descobrir."

 Eu sempre tive um pé atrás com essa coisa de realidades paralelas, mas não tenho do que reclamar na história criada pelo Hugo. Eu gostei muito de "Fábula de Viagem no Tempo: Por Amélia, a Gata" e super recomendo que vocês leiam. Não é um livro extenso, é uma leitura com umas partes bem divertidas, e outras até emocionantes, imperdível para os apaixonados por gatos.

 Sobre como vai ficar a edição eu não posso comentar, visto que li o arquivo que ainda nem tinha sido totalmente trabalhado pela editora, mas no post vocês já podem conferir a capa lindinha. Para ficar sabendo onde adquirir o livro e outras novidades sobre o trabalho do Hugo, é só curtir a página do autor: facebook.com/hugodalmon. Para quem é da cidade de Volta Redonda (RJ) ou região, já fica o convite para o evento de lançamento no dia 04 de julho.

 Por hoje é só, espero que tenham gostado da resenha? Me contem: já conheciam o livro ou o autor? O que acharam da história? Algum escravo, digo, dono de gatos por aí?Até o próximo post!

Me acompanhe nas redes sociais:
26 comentários via Blogger
comentários via Facebook

26 comentários

  1. Oi, Mari!
    Eu amo realidades paralelas e viagens no tempo. Fiquei super interessada nessa história. Geralmente não curto quando histórias são contadas por animais, esse eu arrisco.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Olá, Maria.
    Eu não gostei muito dessa capa hehe. Mas me interessei pelo livro. Como "pertenço" a três gatas, quando é esse o assunto eu já me interesso. Acho que esse é o tipo de livro que nos faz repensar nossas atitudes de um jeito bem bacana.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Eu nao conhecia esse livro, mas adorei a capa, mesmo. Fiquei fascinada pelo enredo, ainda mais por causa de viagens do tempo, realidades paralelas sempre me intrigam muito. Deve ser uma leitura leve e cercada de emoções né?!
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  4. Oi Mari,
    Acho que essa capa não me atrai tanto quanto a sinopse.
    Afinal, eu amoooo viagens no tempo!!!! *-*
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. A história parece ser bem interessante.. vou esperar sair o livro :D

    http://www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, só por ter um gato na capa já me chamou a tenção. Achei o enredo com viagens no tempo bem legal, dica anotada. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Amei a resenha. Como eu sempre digo a vc: sua leitura é incrível. Vc capta exatamente o que eu quis transmitir. Obrigado por tudo. Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Te entendo sobre questionar um pouco essa coisa de realidades paralelas, porque eu também questiono, mas gostei desta premissa e acho que seria uma leitura ótima pra mim. Espero poder ler em breve.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá...
    Quem me conhece sabe que eu sou completamente apaixonada por felinos! Amo gatos, tenho 3 aqui em casa ;)
    Enfim, achei a premissa bem legalzinha e fiquei bastante interessada na leitura, principalmente, pelo fato desse lado mais divertido da obra... Amei!
    Bjo

    ResponderExcluir
  10. Uau, amei a temática do livro. Diferentona em alguns aspectos. Fiquei bem curiosa, sem dúvida vou anotar o nome deste livro aqui. E ainda por cima trata em seu enredo sobre LGBT, bateu mais curiosidade ainda. Adorei sua resenha, bexitus!

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem?
    Nossa a obra parece mesmo ser ótima e interessante, adorei a temática e fiquei super curiosa para conhecer mais.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  12. Oie! Tudo bem?

    Amei demais a sua indicação de hoje! Amo histórias que envolva viagem no tempo e para melhorar ainda mais é contado pela visão de um gato, gente o livro me ganhou completamente! Espero em breve conseguir realizar a leitura dele!

    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Você já leu muitas obras do autor e acho que isso mostra que ele é realmente bom. Não tinha ouvido falar de nada dele, mas fiquei muito contente com sua resenha e por você ter se sentido bem mesmo lendo algo que não simpatize tanto, quanto livros com realidades paralelas.
    Esses trechos que você colocou são incríveis, vou anotar a dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro, e parece ser muito divertido, vou anotar a dica com toda certeza.
    Parabéns pela resenha.

    Beijos
    Leitora Dramática
    https://blogleitoradramatica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oie! Eu não sabia nada sobre o livro e conheci aqui na sua resenha. Preciso dizer que já fiquei curiosa demais para saber o que acontecerá com esses protagonistas e se eles conseguirão ajudar a outra moça e voltar para casa sem estragar tudo. Eu me acostumei com isso de realidades paralelas com a série The Flash, então acho que será uma experiência legal, hahah.

    Beijos, beijos.

    ResponderExcluir
  16. Nunca li nada de viagens ao tempo. Achei bem engraçada e fico imaginando as aventuras que OZ e a Amélia vão passar por esse livro. E outra fiquei super curiosa pra saber qual era o que tanto a Glória precisava.

    Não conhecia nada sobre o autor e essa é a primeira vez que eu vejo uma resenha sobre o livro e por sinal ficou ótima.

    beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Pelo jeito esse livro parece ser realmente muito interessante.
    Nunca li nenhum livro narrado por animais (só um mas eles eram meio humanos, então não conta rsrrs) e imagino que esse com a gata deva ser muito especial por ver todas as interações dela com os humanos e toda essa questão de outros universos e tals.
    Com certeza eu leria esse livro

    ResponderExcluir
  18. Oiii tudo bem??

    Eu não li sua resenha, eu ouvi sendo lida na abertura do lançamento do livro. Muito boa adorei, fui ao lançamento deste livro e estou morrendo de vontade de ler, a história parece muito legal. Pena que não pode ir ao lançamento, foi legal.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia essa obra, mas de cara já fiquei animada, pois adoro livros nesse estilo, acho bacana histórias sobre viagens no tempo e essa capa ta a coisa mais fofa do mundo. Realmente essa Amélia parece ser cheia de personalidade e imagino que seja bem bacana acompanhar a história dela, principalmente porque parece abordar bons assuntos e trazer boas reflexões.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  20. Olá tudo bem?
    Não conhecia o livro, tampouco o autor e gostei bastante do que me foi apresentado aqui. Ele conseguiu inovar de uma forma que estou chocada até agora. Realidades paralelas? Tudo bem, existem livros aos montes sobre isso. Mas narrados por uma gata que na veradde é um ET? Ok, disso eu nunca ouvi falar.
    Gostei bastante, tanto do livro quanto da sua resenha.
    Dica anotada.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Eu adoro estas coisas de realidades paralelas, tanto que li livros e vejo seriados assim e já tinha visto isto sobre o autor. Eu adorei a capa e achei super fofa, o que ajuda muito.
    Agora se eu tiver oportunidade quero ler.

    Greice Negrini
    Blogando Livros

    ResponderExcluir
  22. O livro tem uma ideia bem louca, e eu adorei isso. Uma gata que viaja no tempo e é um ET. Sério é um enredo que chama totalmente minha atenção. Tem ebook dele?
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  23. Oi, Mari!
    Tenho um problema com histórias onde os animais são protagonistas, geralmente não consigo me concentrar na leitura. Achei bem criativo a forma como o autor desenvolveu a narrativa, para quem ler e gosta do gênero e estilo é uma boa dica de leitura não sei se seria uma leitura que funcionaria para mim. Mesmo assim gostei da dica!

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  24. Oi.

    Nunca li um livro desse tipo. Geralmente não faz muito meu estilo, apesar de aparecer ser bem interessante. Ainda não conhecia essa obra. Mesmo assim, não consegui ficar interessada a ponto de ler.

    ResponderExcluir
  25. Oie!!
    Quando li o nome do livro e vi a capa confesso que não me senti interessada e nem curti muito. Gostei bastante da sua resenha e achei o livro muito diferente e interessante.
    Nossa... uma viagem no tempo? Fiquei muito curiosa de fato!

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  26. Olá Mari,

    Eu confesso que ouvi falar sobre esse livro, mas nunca passou pela minha cabeça que ele podia ter um enredo tão interessante. A medida que fui lendo sua resenha fiquei super curiosa para sobre a gatinha e seu humano. Amo livros de viagem no tempo. Já quero para ontem.

    Beijos e obrigada pela resenha!
    http://floraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo