Resenha: livro "Garota Exemplar", Gillian Flynn

 Olá pessoal, tudo bem com você? No post de hoje venho comentar sobre a minha experiência de leitura com o livro "Garota Exemplar", escrito pela estadunidense Gillian Flynn e publicado no Brasil pela Editora Intrínseca em 2013. Vou evitar ao máximo os spoilers, para não estragar a leitura de ninguém. E todas as citações que estão na resenha são do Nick.  Lembrando que "Garota Exemplar" é um dos três livros que estão sendo sorteados na promoção de aniversário do blog, se você se interessar por ele, clique aqui e participe do sorteio, está super fácil, mas correr que é só até dia 27/04.

Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações, spoiler

 Eu não lembro se foi a capa, se foi o autor escalado para o filme (que ainda não vi), se foi o título ou se foi a sinopse que me fez querer o livro. O fato é que no dia 4 de setembro de 2016, no dia seguinte ao meu casamento, eu entrei pela primeira vez em uma livraria e finalmente comprei meu exemplar de "Garota Exemplar", um livro que tem na contracapa a expressão "O casamento mata"!

 "Era suficiente estar perto dela e ouvi-la falar, nem sempre importava o que ela estava dizendo. Deveria, mas não importava." (página 29)

 Ele é narrado em parte por Nick Dunne, um homem de trinta e poucos anos, um jornalista que perdeu o emprego por causa do enfraquecimento da mídia impressa após a internet ganhar espaço. Amy, sua esposa, também perdeu o emprego, ela fazia testes de comportamento para revistas. Como a mãe de Nick estava doente, ele resolveu abandonar Nova York e voltar para sua terra natal, o Missouri, e Amy, mesmo não gostando muito da ideia, foi com ele. Lá, Nick abriu um bar com sua irmã gêmea, a Go (amo livros onde há irmãos, gostei bastante da relação dele com a Go).

 No dia do quinto aniversário de casamento de Nick, Amy desapareceu, e com o andar das investigações, ele se tornou o principal suspeito, pelo seu comportamento "estranho", e especialmente pelo que estava escrito no diário de Amy. O livro é dividido em três partes, e a primeira gira em torno de saber o que aconteceu com Amy: se ela estava viva ou morta, se Nick tinha algo a ver com o desaparecimento dela e por que ele estava mentindo para a polícia.

 "Era minha quinta mentira à polícia. Eu estava apenas começando." (página 48)

 Ao longo da leitura, é possível ver que a Amy e o Nick eram duas pessoas com expectativas diferentes, com personalidades distintas, mas que tinham sido afetados pela criação que tiveram, pela relação com os pais. Nick sempre queria evitar o confronto, queria agradar todo mundo. Algumas horas dava pena deles, em outras dava raiva.

 "(...) no meu porão-barriga há centenas de garrafas de fúria, desespero, medo, mas você nunca diria isso ao olhar para mim." (página 48)

 Não foi uma leitura que me prendeu logo de cara, a escrita da autora é boa mas não me fez ficar vidrada na leitura num primeiro momento, mas conforme eu fui lendo, fui ficando boquiaberta com o desenrolar da história. É importante que fique claro que não é um livro só sobre casamento, é sobre outra coisa, sobre um elemento sem o qual a história não existiria. Ao final, eu estava chocada! Me coloquei no lugar de um determinado personagem e a sensação foi extremamente desesperadora, eu nunca conseguiria viver como esse personagem estava vivendo! Acho que agora eu posso ler qualquer livro pesado, qualquer livro de terror, cheio de crueldades, que nada vai me deixar tão apavorada quanto os acontecimentos de Garota Exemplar (o que não quer dizer que vocês também vão sentir a mesma coisa, isso é algo bem pessoal, para mim foi de um jeito e para vocês pode ser de outro).

 "Não sei se a essa altura somos realmente humanos, aqueles de nós que são como a maioria de nós, que cresceram com TV, filmes e agora internet. Quando somos traídos, sabemos quais palavras dizer; quando um ente querido morre, sabemos quais palavras dizer. Quando queremos bancar o fodão, o espertinho ou o idiota, sabemos quais palavras dizer. Todos trabalhamos a partir do mesmo roteiro gasto.
 É uma época muito difícil para ser uma pessoa, apenas uma pessoa real, de verdade, em vez de uma coleção de traços de personalidade escolhidos de uma interminável máquina automática de personagens.
 E se todos nós estamos atuando, não pode existir algo como uma alma gêmea, porque não temos almas genuínas.
 Chegara ao ponto em que parecia que nada importava, pois não sou uma pessoa de verdade, e ninguém mais é." (página 86)

Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações,
Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações, spoiler
Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações, spoiler
Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações, spoiler
Resenha, livro, Garota-Exemplar, Gillian-Flynn, Editora-Intrínseca, fotos, capa, opiniao, critica, trechos, quote, citações, spoiler

 Eu acho essa capa muito bonita (bem mais que a do filme), pela combinação de cores, pela lombada. As páginas são amareladas, a revisão está boa. É um livro grande, com margens e espaçamento de bom tamanho, e tem algumas partes, onde há trechos de coisas escritas por Amy, em que as letras são um pouco pequenas, mas nada que atrapalhe a leitura. No vídeo da Caixa de Correio de setembro dá pra ver mais detalhes da edição. Eu terminei a leitura numa noite de sábado, e precisava tanto desabafar sobre o livro, que no domingo de manhã gravei um vídeo curtinho sobre o livro, resumindo meu sentimento pós leitura, apertem o play para conferir.



 Detalhes: 448 páginas, ISBN-13: 9788580572902, Skoob. Onde comprar online: Submarino, Americanas.

 Por hoje é só, espero que vocês tenham gostado do post. Me contem: já conheciam ou leram o livro ou alguma outra obra da autora? Seu comentário vale o livro "Ninfeias Negras" no Top Comentarista de abril, saiba aqui como participar.


Até o próximo post!

Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobInstagramYouTube| Snapchat: marijleite_pdl

24 comentários

  1. Oi.
    Faz um bom tempo que li Garota Exemplar e até hoje não sei se gostei ou odiei esse livro, foram tantas reviravoltas.
    Ele é aquele livro que te engana do começo ao fim.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  2. Maria,já li esse livro há um tempinho.E pela primeira vez , leio uma resenha que explicou exatamente o que senti ao terminá-lo : Apavorada!
    E sem exagero nenhum esse livro mexeu tanto comigo que me senti incomodada.

    E depois que o li fiquei um tempo sem conseguir ler outro livro.

    Mas gostei muito!!!!
    Li o mais rápido que pude para descobrir o que aconteceu com a Amy.

    Fiquei chocada!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Eu só assisti ao filme é achei bem interessante, mas não senti vontade de ler o livro.
    Embora eu achei que a leitura tbm seja boa.
    Beijos
    http://recolhendopalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Adorei sua resenha, parabéns!
    Já fiz a leitura desse livro e também me surpreendi muito. Quando terminei, precisei reler o final para saber se tinha compreendido bem. Enfim, não sei afirmar com certeza o que senti, mas foi uma leitura que prendeu minha atenção.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Eu li esse livro a muito tempo atrás e eu amei muito esse livro, é um dos meus livros preferidos, a história é fantástica, a mulher é louca num nível que da vontade de parabenizar pelas artimanhas kkk AMEI sua resenha, sensacional!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  6. Mari!
    É um tremendo thriller psicológico que nos faz ficar atento a cada detalhe e preso na leitura até o final.
    Já assisti o filme e não gostei do final, embora tenha entendido, agora quero ler o livro.
    Bom feriado!
    “Compreender que há outros pontos de vista é o início da sabedoria.” (Campbell)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP COMENTARISTA ABRIL especial de aniversário, serão 6 ganhadores, não fique de fora!

    ResponderExcluir
  7. Ouvi falar tanto do filme e, por tabela, do livro que ainda não me animei em ler (ainda mais porque, acidentalmente, topei com uns spoilers). Estou dando um tempo para esquecer e, aí sim, embarcar nesta jornada. Que bom que ele mexeu tanto contigo. É muito bom quando um livro nos toca de alguma maneira. Obrigada por ter compartilhado conosco sua experiência! Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Mariiii
    A escrita vai prendendo aos poucos né?
    adorei o livro, é bem chocante mesmo, mexe com o nosso psicologico.. .E casamento pode matar sim rs
    A gente fica muito abalada com a his´toria, né? Entendo... E voce gravar o video também, muito legal! Precisamos fazer isso, ajuda
    É bem escrito mesmo... Mas o desfecho é GENTE kkk realmente
    eu amo essa capa!
    Simmmmm!

    Isso é verdade Mari! Eles são uns fofos e tem uma relação muito bonita também *-*
    OOPAA, vou tentar participar sim!!!

    beijocas
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
  9. Eu curti mais o filme que o livro... Apesar do livro ser ótimo, acho ele lento, enquanto o filme está no ritmo certo!

    Bjos

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Eu amava essa autora antes mesmo de ler qualquer livros dela; mas só pela as capas. Logo tipo a oportunidade de ver o filme é ter me encantado pela história e querer ler logo a obra. Acabei conseguindo numa venda de livros uzados e logo li e vi a enorme semelhança entre filme/livro. Uma das melhores adaptações que eu já vi. Li o Adulto e tmbm curti muito e tenho Lugares escuros que quero ver o filme e ler o livro em breve. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oii! Ainda não li nd da autora, tenho mta curiosidade em conhecer suas escritas e enredos, já li mtos comentários bons sobre, espero uma oportunidade ...
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Ola!
    Eu vi muitas resenhas desse livro quando ele foi publicado aqui no Brasil. Teve um hype bem grande, mas confesso que o genero em si não me chama atenção. Acho a historia relevante, mas a mim ela não conquista e ainda não despertei para essa leitura.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu adorei o post e tenho sim, muita vontade ler esse livro, antes de assistir o filme. Que bom que vc evitou os spoilers, mas já me contaram um pouquinho além, o que acabou despertando meu interesse. Suas fotos ficaram ótimas e deu pra ver que a edição tá muito bonita. Eu também adoro essa capa. Sua resenha está perfeita.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  14. Olá
    Também demorei para ler meu primeiro livro da autora, e me surpreendi com a escrita dela, ela consegue esconder muito bem as coisas sem nos deixar irritados. Ainda não li esse livro, mas já está na minha lista

    ResponderExcluir
  15. Oiii Maria, tudo bem?
    Sei que essa obra seria uma ótima leitura, principalmente por envolver algo psicológico que sempre me deixa bastante envolvida, fiquei feliz de encontrar a resenha em seu blog e está na listinha agora.
    Abraços

    ResponderExcluir
  16. OOi!
    Não li o livro, mas assisti ao filme. Confesso que não gostei mutio, mas acredito que o problema foi comigo, pois a história parece ser interessante embora para mim não tenha sido.
    tenho vontade de ler o livro para ver se gosto mais do que do filme. :)

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Quem não conhece esse livro atira uma pedra, não é?
    Ainda não tive a oportunidade nem de fazer a leitura, nem de assistir ao filme, mas tenho vontade de fazer de ambos. Achei muito interessante você ter ressaltado que a escrita da autora é boa, apesar de não ter te prendido no início. Quero conhecer todo esse mistério que tem nesse livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oie tudo bem?!? Então... Tenho um caso de verdadeiro ódio com a Gillian Flynn, sério. E tudo começou com esse livro. Não gosto de livros excessivamente descritivos e ela tem esse hábito né, até a poeira da casa ela menciona. Mas estava disposta a relevar tudo isso, se o final fosse outro. Se esse marido se mostrasse mas são do que essa louca, mas não rolou.
    E depois disso minha relação com ela só azedou rsrsrsrs
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá, tudo bem? Gente, apesar do sucesso nítido da mulher, nunca tive vontade de ler nada dela, afinal o gênero que ela se propõe escrever é um dos que mais fujo. Apesar da escrita da autora ser boa, essa questão de não prender desde o início já me angustiaria hahah Mas que bom que no final chocou. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Amei a resenha!
    Esse livro é meu queridinho!
    Também fiquei apavorada quando terminei de ler... fiquei alguns minutos olhando para o nada e refletindo sobre tudo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Olá! Não li o livro, mas assisti ao filme e gostei bastante do enredo. O modo com a história te surpreende é impressionante! Gostei tanto que fui procurar outros livros da Gillian e fiquei encantada com a escrita dela. Parabéns pela resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  22. Já li esse livro Garota Exemplar!! E até agora estou surpresa com tudo que li nesse livro!
    Bjos

    ResponderExcluir
  23. Olá.
    Gostei muito de ler sobre a sua experiência de leitura.
    O que me chamou atenção nesse livro foi o título.
    Também acho a capa bonita, é uma combinação bonita essa cor no fundo preto.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  24. Olá Mari!!!
    Eu conheço o livrp, mas tudo isso por causa de amigos que falam do livro ou de resenhas já lidas ou por causa do filme mesmo, mas admito que nenhuma das opções me faz querer ler o livro e não sei se um dia lerei.
    Realmente a capa é linda algo que quem tem deve amar.
    Parabéns pela resenha.

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo