quinta-feira, 17 de agosto de 2017

RESENHA: A Escolha Perfeita do Coração, Bianca Briones

Olá Leitores (ras), como estão? Hoje trago a vocês, a resenha do livro “A Escolha Perfeita do Coração” da autora Bianca Briones. Este e o livro 1.5 da série “Batidas Perdidas do Coração”.  

Foto: Skoob
Título: A Escolha Perfeita do Coração 
Autoras: Bianca Briones
Editora: Verus
Ano: 2015
Páginas: 154
Gênero: Romance / Jovem Adulto / Literatura Brasileira 

Será que, mesmo com a dor, é possível recuperar a batida perdida e enfim viver feliz para sempre?
Viviane e Rafael enfrentaram uma montanha-russa de emoções em As batidas perdidas do coração, antes de finalmente se entenderem e conseguirem o que tanto queriam: ficar juntos para sempre.
Agora, dois anos depois, esse recomeço está longe de ser tranquilo. Os fantasmas de Rafael o assombram, e Viviane, mais uma vez, precisa lutar para mostrar que ele mesmo é seu único inimigo.
O que fazer quando a pessoa que você ama é uma força autodestrutiva? Como redimir alguém que não acredita ser digno de redenção? É possível amar a pessoa que mais te magoou? Até onde vale a pena lutar por um amor?
Esta é a chance de Rafael e Viviane aprenderem que a mesma pessoa que pode partir seu coração em mil pedaços é capaz de juntar os estilhaços e fazer você se sentir inteiro outra vez.
As vezes, o amor não nos dá escolha. É vivê-lo ou passar a vida atormentado por ele. (SKOOB) 

Este livro só pode ser ler lido após o primeiro da série que séria “As Batidas Perdidas do Coração”, pois a obra “A Escolha Perfeita do Coração”, começa de onde o livro anterior terminou. Admito que primeiro li todos os livros principais da série, para depois ler está obra, e por isto tive a oportunidade de matar a saudade não só do casal protagonista, que é o Rafa e a Viviane, como também dos personagens secundários.

“Acho que, apesar de toda a insegurança que sentimos agora, o fato é que nos amamos demais. Dá para desistir de uma paixão. Dá para superar um coração partido por um amor de verão. Mas não dá, em hipótese alguma, para esquecer um amor em chamas, que queima a pela e se mistura ao sangue, nos inflamando por dentro.” (pag.8)


Como já citei no parágrafo anterior, este livro conta um pouco mais da estória de amor dos personagens Rafael e Viviane. E segue a mesma premissa e ritmo do livro anterior, e narrado em primeira pessoa, intercalando a visão dos personagens principais, proporcionando ao leitor uma visão ampliada de todo o cenário e acontecimentos.

“_Que certezas temos na vida, Vivi? Um dia a gente ta vivo e no outro, morto.” (pag. 37)


O relacionamento deste casal sempre foi cheio de altos e baixos, como uma montanha-russa de emoções, porém neste reencontro a autora irá nos mostrar que esta reconciliação também não será nada fácil. Será que este amor será suficiente para lhes proporcionar um final feliz?!

“_No momento, estou entre dois caminhos: ficar e virar as costas.
_Você se imagina fazendo isso? Virando as costas e seguindo a vida?_ Ele aponta atrás de mim.
_Não.
_Acho que esse seu segundo caminho aí é uma ilusão, então.” (pag.42)



Nesta obra a autora vai tratar de assuntos sérios e tocantes, como síndrome do pânico, perdão, reconciliação, e superação. E impossível ler este livro, e não tira alguma lição de vida das reflexões feitas por ela, e tocante a forma como a Bianca descreve o amor como a forma de salvação, e que através dele podemos nos fortalecer e superar qualquer problema.

“Ele tem razão. Não pensar faz parte de quem eu sou. Sou o cara que se joga no precipício sem querer saber se tem água ou não lá embaixo, ou se vou me estourar inteiro.” (pag.93)


Outro ponto positivo desta obra, e a forma como estes personagens foram muito bem construído. Viviane e Rafael são pessoas verdadeiras, com defeitos, sonhos, com problemas pessoais como nós, de forma que podemos nos identificar facilmente com eles, ou até mesmo esbarrar com sujeitos com uma estória parecida. E algo muito palpável, a forma como e desenvolvida a trama, nos fazendo embarcar em uma leitura envolvente e cativante. Em vários momentos senti empatia por eles, me colocava em seus lugares, e imaginaria como lidaria com toda aquela situação, acredito que não séria nada fácil.

“Eu vou ter muitas quedas ainda, mas a maior lição que tive é que para enfrentarmos a morte é preciso celebrar a vida.” (pag.146)


Apesar de este ser um livro pequeno, onde pode ser lido em apenas um dia, ainda sim tiveram algumas pequenas surpresas agradáveis. De modo geral gostei muito da leitura, e já estou torcendo para que a autora publique outros livros desta série. Quem ainda não leu nenhuma obra da Bianca Briones, não sabem o que estão perdendo. Por isto não percam a oportunidade e comecem adquirindo o livro "As Batidas Perdidas do coração"
Vocês já leram algum livro desta série, ou outros livros da autora? Me digam, algum de vocês se interessaram pela leitura deste livro? Podem deixar seus comentários, irei amar saber um pouco mais da opinião de vocês leitores. 

Esperam que tenham gostado, e por hoje e só.



Participem do TOP COMENTARISTA  de agosto para concorrer ao livro "Dois Mundos", clique aqui para deixar seu e-mail no formulário de inscrição.



Até o próximo post


Me acompanhe nas redes sociais:

9 comentários:

  1. Gostei muito da sua resenha, ainda não li mas com certeza vou ler, gostei muito da abordagem dele :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, os livros dela de modo geral, mas principalmente está série, e incrível. Vale a pena dar uma chance! beijos, abç.

      Excluir
  2. Infelizmente ainda não li essa série. E também não li os outros livros da autora.

    E ler sobre o verdadeiro amor,é sempre gratificante!
    Principalmente quando é preciso superar vários obstáculos para encontrar o caminho certo à seguir.
    O casal Viviane e Rafael, pelo que li, passaram por muitas dificuldades e estou curiosa em acompanhar a história dos dois.


    Espero ainda poder ler esses livros. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E uma pena que você ainda não tenha tido contato com a escrita desta autora diva! Tenho certeza que um dia você vai ter a oportunidade de ler está série, e outros livros da Bianca. Beijos, e abç.

      Excluir
  3. Ainda não li nenhum livro da autora, mas essa série me chama atenção. Principalmente porque muitas pessoas já me falaram dela. Quem sabe no futuro?

    https://notasmentaisparaumdiaqualquer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente muitos leitores que já leram está série sempre falam bem da estória. Mesmo que no futuro dê uma chance as obras desta autora não vai se arrepender. Beijos e abç.

      Excluir
  4. Fiquei um pouco confusa com a resenha porque eu não li o primeiro livro as série. Mas amo livros que trás um lição de vida, que faz você se perguntar o porquê daquilo acontecer. Gostei muito da premissa do livro, e vou atrás de ler o primeiro livro da série. Por ser um livro pequeno, gostei do modo que você resenhou os personagens, o livro. Com certeza vou ler, entrou para minha lista!
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admito que também gosto muito de livros que proporciona o leitor alguma lição ou reflexão sobre a vida, e este aborda exatamente isto, nos perguntarmos o porque de algumas situações. Te desejo uma ótima leitura, e você goste desta obra tanto quanto eu! Beijos e abç.

      Excluir
  5. Eu ja conhecia essa série mas nunca li, está na minha lista e estou esperando ter dindin para comprar todos de uma vez só, nunca li nada da Bianca e pretendo começar por essa série
    Achei interessante ela abordar a síndrome do pânico, gosto de livros que tragam uma reflexão para a vida uma lição

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim.
Leio todos os comentários, mesmo que nos posts mais antigos. Responderei seu comentário aqui nesse mesmo post. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados